Suspeito de participar da morte do vaqueiro na zona rural de Parintins é preso no loteamento Teixeirão

Gilson Almeida | 24 Horas
[email protected]

Parintins (AM) – A polícias Militar e Civil cumpriram em ação conjunta no domingo, 2, o mandado de prisão preventiva em nome de Donaldo Teixeira Lopes, 42, um dos suspeitos de participar do assassinato do vaqueiro Eliandre Xavier da Silva, 27. A vítima foi a óbito após receber um tiro de espingarda, calibre 28, na cabeça. O crime aconteceu dia 26 de julho na comunidade Paraná de Parintins de Baixo, zona rural do município. Donaldo é irmão de Ironildo Teixeira Lopes, vulgo Tarzan, suspeito de ser autor do disparo que continua foragido. Donaldo foi preso no loteamento Teixeirão, em uma casa de dois andares.

De acordo com o delegado da 3ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), Adilson Cunha, a equipe recebeu uma denúncia de que Ironildo estava numa casa no loteamento Teixeirão, mas chegando ao local informado, só estava seu irmão que tentou fugir, mas foi capturado pela Polícia Militar.

Ironildo Lopes.

Ainda segundo o titular da 3ª DIP, Donaldo confessou que ele, Ironildo e mais uma pessoa participaram na morte do vaqueiro, mas a Polícia Civil ainda está investigando o envolvimento dessa terceira pessoa. Ironildo já tem a prisão decretada pela Justiça. “A polícia continua atrás e solicito de quem tiver informações continue denunciando pelo número 190 que tanto a Polícia Civil como a Polícia Militar não vai descansar enquanto não prender os três autores desse crime bárbaro”, afirmou Adilson Cunha.

A arma usada no crime. Foto: Gilson Almeida.
você pode gostar também