Tela alusiva ao Auto do Boi e às festas populares é o cartaz oficial do 54° Festival Folclórico de Parintins

Do artista visual Pedro Farias Júnior, a obra “Folclore em Festa”, alusiva ao Auto do Boi, produzida com uma técnica de gravura, é a vencedora do Concurso de Telas para a Escolha do Cartaz Oficial do Festival Folclórico de Parintins 2019. A avaliação das 28 telas concorrentes, por parte de cinco jurados técnicos, ocorreu na sede da Associação dos Artistas Plásticos de Parintins (AAPP), na noite deste sábado, 04 de maio.

Este ano, o concurso de telas, realizado pela Prefeitura de Parintins, Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Semctur) e AAPP, com o apoio do Governo do Amazonas, via Secretaria de Estado de Cultura (SEC), teve, no corpo de jurados, o artista plástico e curador, Jair Jacqmont artista plástico e curador, Jender Reis, o artista plástico e presidente da Associação dos Artistas Plásticos do Amazonas, Turenko Beça, professores da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Adelson Fernando, e Karliane Nunes Macedo.

As telas inscritas passaram por avaliação dos quesitos: criatividade, expressão e acabamento da tela. Após dois anos sem participar do concurso, o desenhista do Boi Caprichoso e formado em Artes Visuais pela Ufam, Pedro Júnior, conquistou o primeiro lugar. “É uma satisfação imensa. Nas duas últimas edições, não pude participar, por conta do trabalho. Então, tive esse tempo para estudar novas técnicas e me aprimorar. Busquei, dentro da definição de folclore, trabalhar os elementos que compõe do Auto do Boi, só que com uma linguagem diferente que é uma técnica de gravura, que é xilogravura, não que seja uma xilogravura, mas busquei dentro dessa técnica elementos que fizessem essa alusão às festas populares, ao Auto do Boi”, explica.

De acordo com a secretária da Semctur, Karla Viana, incentivar a cultura local é o papel do atual governo municipal. “Essa é a abertura do Festival Folclórico de Parintins 2019 e nada mais justo do que valorizar o nosso artista, com um júri diferenciado esse ano, três vindos de Manaus e dois professores da Ufam-Parintins. O prefeito Bi Garcia e o vice Tony Medeiros incentivam o surgimento de novos artistas e a consolidação de artistas antigos”, afirma.

Telas foram as mais bem avaliadas pelo corpo de jurados técnicos do concurso para escolha do cartaz do festival 2019.

A Prefeitura de Parintins e o Governo do Amazonas premiaram as três primeiras telas mais bem avaliadas. O artista Pedro Farias Júnior recebeu o valor de R$ 5 mil, o 2º ficou com Miguel Carneiro, com a tela Parintins de Todas as Cores”, com R$ 3 mil, e o 3º foi para Pedro Paulo, com a tela “Das Bandeiras e Cores se Fazem o Festival”, premiado com a quantia de R$ 2 mil.

você pode gostar também