Tião Teixeira propõe adicional de insalubridade aos trabalhadores da saúde de Parintins 

Foto: Luiz Felipe Teixeira

Pagamento de adicional de insalubridade aos trabalhadores da saúde empenhados nos atendimentos de pacientes infectados pela Covid-19 foi sugerido pelo vereador Tião Teixeira, hoje. O parlamentar apresentou a proposta à Prefeitura de Parintins, na sessão online do Poder Legislativo, nesta quarta-feira (13).


Tião Teixeira justificou que essa medida implementada visa compensar e amenizar a possibilidade do dano à saúde dos trabalhadores, durante a pandemia do coronavírus. O vice-presidente da Câmara Municipal de Parintins embasou a propositura no Projeto de Lei 744/20, de autoria do deputado federal, José Ricardo (PT).

Ao expor os motivos da proposta, o vereador mencionou que de 22 de março até 11 de maio, o Boletim Epidemiológico, atualizado diariamente pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e Vigilância em Saúde, já registrou 38 profissionais da linha de frente contaminados pela doença, inclusive com o óbito de um médico.

Ainda de acordo com Tião Teixeira, pelo Projeto de Lei 744/20, da Câmara dos Deputados, devem serem contemplados com o adicional de insalubridade em grau máximo o equivalente a 40% do salário mínimo da região (atuais R$ 418), trabalhadores da saúde pública do Governo Federal, Estados, Municípios e do setor privado.

você pode gostar também