Toque de recolher permanece das 22h às 5h em Parintins por mais 15 dias

Foto: Gilson Almeida.

Gilson Almeida | 24 Horas
[email protected]

Parintins (AM) – Toque de recolher permanece das 22h às 5h por mais 15 dias em Parintins. A decisão foi tomada nesta terça-feira (8) pelo Comitê Gestor de Combate ao Coronavírus em reunião realizada no auditório do Centro do Idoso Pastor Lessa.

As restrições do Decreto Municipal anterior permanecem como a suspensão de funcionamento de bares e boates, podendo trabalharem até às 22h exclusivamente por serviço delivery. Práticas de esportes coletivos em campos de futebol, praças públicas ou em locais com aglomeração de pessoas permanecem proibidas. O uso de máscaras em espaços públicos e comerciais continua sendo obrigatório.

A Comissão Eleitoral da Associação Folclórica Boi-Bumbá Garantido será notificada pela Coordenadoria de Vigilância em Saúde do município para apresentar um plano de ação informando sobre medidas de segurança para a realização da eleição para a presidência da agremiação que estava marcada para o dia 27 de setembro. Com a apresentação desse plano, na próxima reunião que será daqui a 15 dias, o Comitê irá autorizar ou não a eleição.

“A Vigilância vai estar realizando todo acompanhamento em conjunto com a Comissão Eleitoral na inspeção sanitária, todo esse planejamento para então autorizar ou não a eleição. A data provável para a eleição sugerida pelo Comitê também ficou para o último final de semana de outubro”, disse a coordenadora da Vigilância em Saúde, Elaine Pires.

O prefeito e presidente do Comitê de Combate a Covid-19, Bi Garcia, informa que a medida foi tomada com base nos dados epidemiológicos dos últimos 15 dias em que apontam o aumento no número de internados contaminados.

“Hoje optamos manter o toque de recolher da forma que está haja em vista que o número de acidentados que ocuparam leitos no Hospital Padre Colombo e o número de contaminados no município não tem um aumento expressivo, nós temos o aumento de internação, mas com todas as parcerias que firmamos, com a chegada do protocolo que veio se juntar com o nosso e as equipes da Samel que estão atuando no nosso município, mais o aumento do toque de recolher, controle nas vias de Parintins, a gente vai apostar na possibilidade de ter realmente uma redução em manter o toque de recolher da forma que está”, disse o prefeito.

O Comitê é formado pela Prefeitura de Parintins, Defensoria Pública, Ministério Público, Vigilância em Saúde, Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal, Empresa Municipal de Trânsito e Transporte (EMTT), Conselho Tutelar, entre outros órgãos fiscalizadores.

você pode gostar também