-Publi-A-

Vacinação: Parintins recebe somente 1.069 doses da vacina contra Covid-19

Foto: Júnior Preto JuJu

Eldiney Alcântara | 24 Horas

[email protected]

Das 4.974 doses da vacina contra a Covid-19 que viriam para Parintins, somente 1.069 vieram para o município. A carga reduzida chegou hoje, 19, as 14:45h no aeroporto Júlio Belém. A vacina foi conduzida para a Secretaria Municipal de Saúde, Semsa, para início imediato da vacinação.

De acordo com o vice-prefeito de Parintins, Tony Medeiros, que conduziu a medicação ao município, a redução no número de vacinas se deu por determinação do Governo Federal. “O Ministério da Saúde mudou o protocolo”, justificou Medeiros.

Do quantitativo enviado para Parintins, 514 doses foram entregues ao Distrito Sanitário Especial Indígena, DSEI. O diretor do órgão, Augusto Nega, informou a vacinação vai ser àqueles “indígenas aldeados, ou seja, que moram nas aldeias indígenas, estão cadastrados no sistema de saúde indígena e que tenham de 18 anos pra frente”.

As 514 doses restantes foram destinadas aos profissionais da saúde que estão linha de frente de combate à Covid-19, atendendo no hospital Jofre Cohen (médicos, enfermeiros, técnicos enfermagem, fisioterapeutas, etc.). Devido o número reduzido de vacinas, apenas 34% dos profissionais serão vacinados neste primeiro momento.

Vacinação

A solenidade de início da vacinação contra o novo coronavírus aconteceu na Secretaria Municipal de Saúde, SEMSA, e reuniu autoridades, profissionais de saúde e imprensa. O médico urologista Alberto Figueiredo foi a primeira pessoa a ser vacinada no município, seguido da enfermeira Heloisa Brito e a indígena sateré-mawé Nádia Ferreira.

“A expectativa era que viessem 4.974 doses, mas lamentavelmente houve uma outra orientação do Ministério da Saúde e será disponibilizado apenas 34% aos profissionais da saúde. Mas, é um começo da cura que a gente sempre esperou”, disse Bi Garcia.

você pode gostar também