-Publi-A-

Vítimas de maus tratos e abusos, sete menores em situação de risco social são resgatados por força-tarefa

Uma ação conjunta resgatou cinco crianças e duas adolescentes, em situação de extrema vulnerabilidade social, por maus tratos e abusos, no bairro União, em Parintins, na tarde deste domingo, (03/02). A força-tarefa de órgãos de proteção dos direitos da criança e do adolescente foi coordenada pela 3ª Vara da Comarca de Parintins, responsável pelo Plantão Judicial no Fórum de Justiça, nesse fim de semana.

Segundo denúncias encaminhadas ao Conselho Tutelar, usuária de drogas, a mãe das crianças as deixava por dias sem comer, tomar banho, assim como fazia o uso de entorpecente na frente dos filhos, dentro da residência, inclusive com a participação de terceiros. Além disso, a denúncia apontou que o padrasto das crianças abusava sexualmente das adolescentes de 12 e 14 anos.

O acusado ainda será investigado pela acusação de abuso de umas das crianças, de apenas seis anos de idade. O diretor da 3ª Vara de Parintins e Juízo Plantonista, João Vinícius, que coordenou a operação, informou que, fora o acolhimento das vítimas no Abrigo Vovó Conceição, houve a utilização de uma ambulância para encaminhar a mãe das crianças ao hospital.

João Vinícius afirmou que a mãe se encontrava com a saúde debilitada, sem conseguir sequer ficar em pé. A ação contou com a participação do Ministério Público, do Comissariado da Infância, do Conselho Tutelar, da Secretaria Municipal de Assistência Social, Trabalho e Habitação (Semasth), da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), da Polícia Militar.

Força-tarefa foi empregada na tarde deste domingo, após denúncias ao Conselho Tutelar.

Com informações da 3ª Vara de Parintins
Fotos: Acervo da Justiça de Parintins

você pode gostar também